Conteúdo principal

“O menino dos dedos tristes” foi apresentado no Porto

16 de dezembro de 2012
Dentro de mim vive um dos muitos meninos e meninas que gostariam de ler livros feitos à sua medida. Nem todos conseguem ler livros impressos com letras e figuras coloridas. Alguns precisam de formatos especiais. Eu sou um exemplo disso mesmo.

Sou um LIVRO MULTIFORMATO que pode ser lido por pessoas cegas (porque existo em Braille e em formato audiolivro); por pessoas surdas porque existo em videolivro em LGP; e até existo em formato pictográfico para ser lido por quem só me compreende se eu for simples e explicado por figurinhas. Hoje os meus dedos são felizes... porque existo!
 
“O menino dos dedos tristes” de Josélia Neves, apresentado no dia 16 de Dezembro na Fnac do CC Norteshopping, mais não é do que um apelo à criação de livros em formato alternativo e um exemplo de como um livro multiformato se pode “abrir” a novos leitores e a novas leituras. Simultaneamente lúdico e didático, tocará pequenos e grandes e servirá de estímulo a atitudes mais inclusivas e à criação de conteúdos acessíveis a pessoas com necessidades especiais.

Para que todos o possam ler, a obra vem acompanhada de um CD no qual se disponibilizam versões em formatos alternativos que podem ser reproduzidos livremente para fins lúdico-didáticos:
1. Audiolivro com soundpainting;
2. Descrição dos três quadros que serviram de base à ilustração da obra;
3. Videolivro em Língua Gestual Portuguesa (LGP);
4. Videolivro em Língua Gestual Portuguesa com legendas glosadas;
5. Videolivro em Língua Gestual Portuguesa com legendas do texto original;
6. Versão pictográfica (SPC);
7. Lista pictogramas (SPC);
8. Versão em formato .wif para impressão em Braille (sobre versão a tinta ou a branco);
9. Ilustrações para impressão em relevo.
 
As versões em Braille e em SPC podem ser reproduzidas de forma fácil, desde que se reúnam os materiais e as condições técnicas necessárias à sua execução. Para facilitar a tarefa, no CD encontrará também instruções detalhadas sobre como criar o livro nestes dois formatos alternativos.

O CD contém ainda uma pasta com utilitários que poderão auxiliar a abertura ou execução de alguns ficheiros.

Adicionar comentário

Últimas Notícias

Já está disponível a lista de sessões com audiodescrição previstas para os meses de janeiro, fevereiro...
No dia 4 de Janeiro assinala-se o Dia Mundial do Braille, um sistema de escrita e...
É já no próximo sábado, dia 16 de dezembro, que a Íris promove, em parceria com...
No quadro da comemoração do Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, que se assinala a 3...
No dia 1 de dezembro, a Íris promoveu o primeiro encontro de pais das crianças e...
Encerrou no passado dia 19 de novembro a primeira mostra pública do projeto de integração pela...
No âmbito da parceria estabelecida com o Teatro do Noroeste – Centro Dramático de Viana, a...
Mais notícias  

Newsletter

Fique a par das novidades da ÍRIS!
Subscreva a Newsletter e acompanhe as nossas principais informações e iniciativas.